Fundamento

O fundamento da nossa atuação na área social e educacional é a Antropologia Cristã, identificando o reconhecimento do valor da dignidade de cada homem, como imagem e semelhança de Deus.

O ser humano, além das dimensões biológica, psicológica e social, é um ser aberto à transcendência. Esta transcendência é entendida como a capacidade e desejo do ser humano ir além dos limites das coisas materiais.

Se foram considerados quatro pilares ou conceitos fundamentais da educação no Relatório para a UNESCO (Delors, 1999, pp 89-102), sendo estes, aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a viver com os outros e aprender a ser, entende-se que aprender a crer é, igualmente, uma ação humana que radica no amor, capaz de transpor o limiar da razão. “O coração tem razões que a própria razão desconhece” (Bl. Pascal).

A Palavra de Deus dá a luz necessária para o caminho na fé.

Missão

Acolher, cuidar e educar crianças e jovens em situação de risco e de vulnerabilidade pessoal e social, a fim de alcançarem o pleno exercício de sua cidadania e despertem para a responsabilidade social e a solidariedade humana.

Valores

Valores são luz para nosso caminho, orientam a nossa conduta e são critério de avaliação e de escolha. São ideais intra e interpessoais e duradouros que norteiam a nossa atuação.

As crianças e jovens precisam internalizar valores como a responsabilidade, a sinceridade, o diálogo, a confiança, a auto-estima, a amizade, o respeito, a justiça, a cooperação e a partilha, para seu crescimento harmonioso.

Os valores verdadeiramente humanos são expressos no amor, na verdade, na ação correta, na procura do bem comum e na paz.